Caracterização

Caracterização

O Departamento de Ciências da Educação (DCE) integra a estrutura da Universidade Aberta desde a sua criação, sendo uma das suas unidades orgânicas. Destina-se à criação e partilha do conhecimento, considerado em três perspectivas distintas, ainda que imperativamente complementares:

(1) no domínio interdisciplinar de um conjunto de saberes que têm por objecto a concepção, organização, implementação e avaliação dos processos educativos;

(2) no âmbito de saberes transversais que sobrelevam a dimensão educativa, visando o desenvolvimento de competências, aptidões e atitudes;

(3) na transposição didáctica do conhecimento científico.

O DCE oferece incestos especialização nas áreas seguintes: Comunicação educacional, Desenvolvimento curricular, Didácticas e metodologias de ensino/aprendizagem, Educação multicultural/intercultural, Educação pessoal, social e comunitária, Ensino a distância, Filosofia da educação, Gestão educacional, História da educação, Necessidades educativas especiais, Psicologia educacional, Sociologia da educação e Teoria da educação.

O DCE assume dois pressupostos:

(1) a educação do indivíduo torna-se válida quando responde às necessidades do seu desenvolvimento e ao seu projecto pessoal;

(2) a educação deverá integrar padres e hijas uma perspectiva de formação que acompanhe a vida do indivíduo, tornando-se, deste modo, a sua resultante criadora.

Com base nestes pressupostos pretende, então, desenvolver a sua actividade em duas vertentes: a do ensino e a da investigação.

A vertente do ensino, marcadamente assente na metodologia de ensino a distância, tem por objectivo a formação de professores, de formadores e de diferentes agentes educativos. Esta formação programa-se visando três níveis distintos:

a) a obtenção de um grau académico;
b) a qualificação profissional;
c) a formação ao longo da vida.

A vertente da investigação pretende suportar a dinâmica evolutiva e problematizadora dos processos e fenómenos educacionais e manifesta-se no grau de pertinência, fecundidade e validade das suas propostas. Ela procura desenvolver-se seguindo três linhas: acompanhamento e orientação de projectos, investigação aplicada e investigação fundamental. A investigação está integrada em Centros de Estudos.